Programa Semente

O que é?

Tamanho da Fonte

Ter autocontrole, autoconhecimento, ser capaz de tomar decisões e saber se relacionar em equipe são características cada vez mais exigidas no dia a dia. E cada vez mais a ciência tem estudado como as emoções se manifestam em nosso organismo. Reconhecer, nominar e gerir sentimentos faz parte do processo de alfabetização emocional e é fundamental para que os indivíduos mantenham relações saudáveis e sejam bem sucedidos na esfera pessoal e profissional.

Este é o objetivo do Programa Semente – oferecido aos alunos de Ensino Médio e Pré-Vestibular.

Pesquisas nas áreas de neurociência, saúde, psicologia, gestão escolar, teorias de aprendizagem e empregabilidade apontam os benefícios da aprendizagem socioemocional e impactos positivos na saúde mental, nas habilidades sociais e no desempenho acadêmico.

 

Melhora no rendimento escolar e acadêmico

 

 

 

Diminuição de problemas disciplinares

 

 

 

Diminuição do uso de álcool e contato com outras drogas

 

 

 

Redução da ocorrência de bullying no ambiente escolar e social

 

 

 

Diminuição da incidência de transtornos mentais

 

 

 

Melhora na motivação para aprender e comprometimento escolar

 

 

 

Idealizado pelo médico psiquiatra e professor Celso Lopes de Souza, o programa conta também com um time de professores autores e profissionais de diversas áreas de atuação envolvidos e comprometidos com a formação de pessoas melhores.

O material é estruturado aula a aula e com apoio digital para professores aplicadores e alunos.

São cinco domínios que estruturam o Programa Semente: Autoconhecimento, Autocontrole, Empatia, Decisões Responsáveis e Habilidades Sociais

 

AUTOCONHECIMENTO: Saber reconhecer emoções, relacionando-as com os pensamentos que as geram e entendendo como tudo isso influencia o comportamento, permite que cada um entenda melhor as próprias limitações e conheça as suas fortalezas, o que aumenta a confiança, o otimismo e a autoestima.

AUTOCONTROLE: Emoções e pensamentos podem ser regulados, controlados, contidos, dominados, compreendidos. Isso faz com que nossas atitudes sejam menos impulsivas e mais adequadas para atingir objetivos predeterminados, tanto pessoais, quanto acadêmicos.

EMPATIA: Assumir a perspectiva do outro, sobretudo quando estamos diante de valores diferentes dos nossos, é fundamental para viver em um mundo cada vez mais marcado pela diversidade cultural. Criar empatia é criar elos, criar laços, criar ponte com as pessoas, aprendendo a se colocar no lugar do outro.

DECISÕES RESPONSÁVEIS: Fazer escolhas construtivas, coerentes com nossas crenças e comprometidas com padrões éticos, é fundamental para o bem-estar do indivíduo e para a comunidade. Para tal, é necessário conhecer normas sociais, avaliar de maneira realista as consequências de nossas ações e ter constante preocupação com a segurança.

HABILIDADES SOCIAIS: Para estabelecer e manter relacionamentos saudáveis, precisamos saber falar e saber ouvir. Comunicação clara, escuta ativa, cooperação, capacidade de resistir a pressão, de negociar conflitos, de buscar e oferecer ajuda, tudo isso é essencial na vida em sociedade.

 

Programa Semente

  • José Artur Teixeira Gonçalves

    Coordenador de Programas Socioemocionais